O NEGÃO SERRALHEIRO



Olá amigos venho mais uma vez aqui narrar outra transa que eu tive antes de me casar e que me dá tanto tesão ao lembrar.
Tudo aconteceu quando minha mãe resolveu trocar o portão de nossa casa e contratou um serralheiro,por coincidência eu estava de férias do serviço nessa época,e já no primeiro dia que ele estava trabalhando em casa, minha buceta já piscou de tesão de olhar para aquele homem.Sr Daniel era um homem na casa dos quarenta anos,mas parecia menos,alto,negro,magro,e chamava muito a atenção.Eu sempre ouvia falar que negros geralmente tinha pau grande,mas nunca tinha dado para nenhum,talvez tenha sido isso também que me chamou a atenção e que me deu tesão em imaginar aquele homem dentro de mim.
No segundo dia que ele estava trabalhando em casa,me levantei,tomei um banho,coloquei um shortinho bem curto,tomei café e fui ver o que sr Daniel estava fazendo,fiquei conversando um longo tempo com ele e percebi que ele era bem safado,pois não parava de olhar para minhas pernas e me elogiou várias vezes.No meio da conversa descobri que ele era recém separado,e ele me falou que lamentava eu ser noiva,fiquei com um pouco de vergonha quando ele me falou isso,mas ao mesmo tempo,minha buceta já estava toda molhada de tesão em imaginar o que poderia fazer com aquele macho.
Entrei,preparei um almoço e fui chamar sr Daniel.Com uma cara bem safada perguntei se ele queria comer,ele com mais cara de safado ainda falou que sim.Então entramos e eu perguntei o que ele gostaria de comer,ele então me olhou e com cara de tarado,falou escancarado que adoraria comer uma buceta bem branquinha,então se aproximou de mim e perguntou se eu não gostaria de comer uma linguiça,demos risada e sem mais pensar,ele me agarrou por trás e começou a beijar minha nuca,meu pescoço enquanto alisava meus seios,pude sentir seu pau roçando em minha bunda,o que me deixou mais molhada ainda,então ele me pegou me colocou em cima da mesa,tirou minha blusinha,meu sutiã e começou a sugar meus seios arrancando gemidos de tesão de mim.Então falei para subirmos para meu quarto,quando chegamos ele me jogou na cama,foi tirando minha roupa e a sua,me deixou toda nua e ficou só de cueca,então se enfiou entre minhas coxas e começou a me chupar minha buceta,me fazendo gemer de tesão enquanto o xingava de safado,cachorro.Não aguentei e gozei muito em sua boca,Sr Daniel se levantou e falou: - Vem aqui putinha,mamar o pau do seu negão. Essas palavras me deixaram muito louca de tesão,então me ajoelhei fui abaixando sua cueca e quando seu pau saiu de dentro não acreditei no que estava vendo,um enorme cacete preto,grosso e cheio de veias saltadas,não perguntei o tamanho,mas com certeza uns 23 cm tinha,não pensei duas vezes,abocanhei aquele cacete com gula,Sr Daniel segurava em minha cabeça tentando atolar tudo na minha boca,mas não dava para engolir aquilo tudo.Sr Daniel gemia,me chamava de putinha,cadela,enquanto eu mamava com mais gula ainda,sentindo que estava prestes a gozar,ele tirou o pau da minha boca e ficou batendo com ele no meu rosto,então me falou: Vem cá vadia que eu vou te arrombar sua cadelinha.Então se sentou na beira da cama,colocou aquele cacetão pra cima e eu me colocando de costas comecei a sentar sentindo aquele pau enorme me invadindo,quando me acostumei com aquilo tudo dentro de mim,comecei a cavalgar lentamente enquanto Sr Daniel alisava meus seios,beijava minha nuca,aos poucos fui aumentando o ritmo e ele já me puxava pra cima dele.Então trocamos a posição e ele me colocando deitada na beira da cama atolou seu pau em mim,colocou meus pés em seus ombros e começou a me foder com muita força,eu estava em êxtase,não sabia mais nem o que falar,ele me olhava e me xingava de vadia,cadela,meu tesão ia aumentando cada vez mais,então ele saiu de cima de mim,me colocou de quatro e começou a me comer mais forte ainda,ao mesmo tempo que batia na minha bunda,não aguentei mais e acabei gozando aos gritos.Sr Daniel continuou me fodendo então anunciou seu gozo,falei que podia gozar dentro mesmo,pois eu tomava remédio,então ele não pensou duas vezes,me segurando mais forte e aos berros de cadela,vadia e puta,gozou feito um cavalo na minha buceta.Aos poucos seu pau foi amolecendo dentro de mim,e quando tirou minha buceta pingava porra,escorria nas minhas coxas.caí exausta na cama,enquanto ele se vestia e me chamando de vadia,falou que tinha adorado me comer.então tomei um banho,descemos,almoçamos e ele voltou ao seu trabalho.
Sr Daniel trabalhou mais três dias em minha casa e transamos nos três dias,no último dia resolvi encarar aquilo tudo no meu cuzinho,depois que ele terminou o serviço,nunca mais transamos,mas não consigo esquecer essa foda maravilhosa que foi com o primeiro pau preto que me comeu.   

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario negro ebano 42

negro ebano 42 Comentou em 01/09/2013

adoraria te oferecer um outro pau preto bjos

foto perfil usuario negraocasado

negraocasado Comentou em 22/07/2013

Não quer experimentar um segundo pau negro delicia? gostei do conto...beijos tesão e o voto!

foto perfil usuario terranova

terranova Comentou em 22/07/2013

Um texto super excitante. Bem escrito e cheio de tesão.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


31622 - Como me tornei puta - Categoria: Heterosexual - Votos: 9
31915 - O cunhado do meu noivo - Categoria: Heterosexual - Votos: 8
34317 - TRANSANDO COM PAI E FILHO(PRIMEIRA VEZ COM 2) - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 10

Ficha do conto

Foto Perfil coroa39
coroa39

Nome do conto:
O NEGÃO SERRALHEIRO

Codigo do conto:
32557

Categoria:
Heterosexual

Data da Publicação:
21/07/2013

Quant.de Votos:
4

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


Contos eróticos enfiando a vara na bucetinha da sobrinha gostosa na cachoeiracontos maso batendo punhetacontos heroticos com fugitivosContos erodico de mães e país com filhos transandoContos eróticos Neuza 2017Contos eroticos gayContos.encesto.doparo.mamaecontos eroticos na praia meu sogro me comeuHentai magiespadas aos quadradinhocontos de encestos no metroconto erótico macho alfa e o emo gaycontos eroticos padre pe de mesa comendo o cu das novisassexo gay conto erotico gay chiquititasbi sexual fazendo o trenzinho por cimá pornoesesto na prai naturista contoscotos.eroticos.de.novias.com.negaocontos erotucos Minha namorada e meus primos parte 2eu conto peguei o meu cunhado cheirando a minha calcinhacontos eróticos viagem maravilhosaquadrinhos erotico simpsonÇonto erotico meu primeiro cuContos eroticos com fotos de podolatria chupando pes de primas novinhas e acordadasdormi no mesmo quarto com meu irmão e ele mi comeu. conto erótico mozzoofilia caes gigantescos fodedorConto erotico esposa cegaa virgem e o cavalo zoo comixcontos eróticos reaisPorno conto neta quadrinhoconto eroticonovinho virgem e as priminhas virgens[email protected]Contos eroticos chupada dormindoconto moreno novinho heteroquando fiquei sozinha contos erticos Contos eroticos com fotos de podolatria chupando pes na academiaContos eroticos selvagem esposahistoria em Quadrinhosporno A pica de papaiContos eroticos relatos reais incestos pag 170Nalvasexocontos transei com vovôcontos sexo minha esposa minha enteadacontos eróticos virei cadelinha da lésbicacontos eróticos Luandaprima comta com trpou com seu primo conto erodicoquadradinho erotico.comcontos eroticos mostrei a buceta pro filhocontos eroticos estupro vovo e netoconto erotico gey com foto o pedreiro negãocomeu meu cuzinhoconto erotico minha amante cinquentonadei pra um cara muito gostososecretaria conto eróticoamigo grudento conto gayesposas metendo com negao contosConto erotico corno capixabacinema Santa rosa duque caxias pornoSEX MAN QUADRINHO EROTICOcontos o cara comedy minha mukher na prsiaconto erotico comi o cu de minha medicaconto erótico amamentaçãocontos eróticos travesti pés creme de leitexvídio encochando de legueporno as brasileira casada da o cu apedadiho pro amaterevista private relatosesposa enganando o corno na cara limpa pornocontos eróticospai e filha hantai mulher do cornoporno meu filhinho me engqavidou contocorretora de uma prateleira de um anal para o novinho primeira vezjulia chupeteira5 sado contos eroticoscontos erotico flagra de incestoporno quadrinhosconto erotico maninhacontos de vovo fudendocontos sobrinha gostozacornoscontoseroticocontos transei com vovômulher metendo roludo na frente batidodei para varios caminhoneiros conto gay[email protected]conto erotico menininha criada mamando na rola de seu padrasto