A CASADA TRAIU O MARIDO PARA TIRAR DA CADEIA parte




A uns quinze dias atrás chegou uma cliente aqui no meu escritório; (quem lê meus contos sabe três coisas, que sou advogado, e que sou tarado, e que meus contos são reais, e como são reais eu nunca digo nomes das pessoas), bom chegou uma cliente no escritório, minha secretaria me passou, porque todos clientes primeiro faz uma previa entrevista comigo, ai depois eu encaminho para os advogados que trabalha comigo, ela entrou na sala ficou de pé, sempre que é mulher eu primeiro deixo de pé uns segundos para analisar e contemplar, vi rapidamente que ela estava nervosa, vi também que se tratava de uma mulher de uns vinte e cinco anos, e pelas roupas vi que se tratava de uma pessoa humilde (sem dinheiro), pedi para que ela se assentasse, e falei para ela pode falar o que a Senhora precisa, ela desesperada começou a falar entre choros e soluços, que seu marido estava preso, eu perguntei porque ela explicou que ele é mais velho que ela, e que já veio de outro casamento e que a ex. colocou ele na justiça por falta de pagamento de alimentos aos filhos, e que eles não tinha dinheiro para pagar, e já estava preso a três dias, e a dívida era de mil e quatrocentos reais, e ainda teria de pagar um advogado e não tinha condições, o que ela faria, eu observei enquanto ela falava, lábios carnudo, boca molhada, seis fartos e bem empinados, era morena clara, cabelos longos, estava de vestido, eu levantei peguei uma garrafa de agua mineral no meu frigobar, abri fui do outro lado da mesa cheguei bem próximo dela restei outra cadeira virei a dela um pouco me coloquei em sua frente bem perto olho no olho ela abaixou o semblante, eu coloquei água no copo lhe dei, ela tomou tudo de uma vez com os olhos fechado enquanto isso eu olhei suas coxas porque quando ela se assentou o vestido que ia mais ou menos até os joelhos ai sentada ficou mais curto parecendo suas coxas, morenas com pelinhos coisa linda eu coloquei mais água no copo ela colocou o copo sobre a mesa eu disse, se acalme, daremos um jeito, falei você realmente quer tirar seu esposo da cadeia ela disse quero muito, se ele não sair vai perder o emprego que acabou de arrumar, já fui no patrão e disse para adiantar o dinheiro mas ele disse que a política da empresa não pode adiantar, e disse se ele não aparecer nos próximos dois dias ele será despedido, eu levantei fui até a porta tranquei, voltei sentei e disse, olha eu posso tirar ele de lá hoje ainda, é só você querer, ela disse eu quero mas nem posso pagar a dívida e nem posso pagar o Senhor, eu disse você pode, ela disse como, eu disse olha vou ser franco ninguém faz nada de graça, eu quero três coisa, quero um beijo de língua demorado, quero que a Senhora tira toda a roupa, e que bata uma punheta para mim, ela levantou me xingou disse que eu era tarado, e falou destranca essa porta, eu falei calma eu só fiz uma proposta, afinal ninguém vai saber disso, ela fungava e transpirava eu abri a porta ela saiu brava, passou pela recepção rapidamente, eu sai atrás para ver se ela não ia contar a ninguém, mas ela foi embora , a secretaria perguntou o que foi Dr. eu disse nada ela queria que eu defendesse o esposo de graça ou fiado e quando disse que não dava ela ficou brava, mas é assim mesmo, isso foi as dez horas da manhã, fui almoçar e voltei quando foi lá pelas quinze horas a secretaria me liga e diz Dr. aquela moça que veio de manhã está aqui quer falar com o Senhor, eu disse ela está sozinha ou com alguém ela disse sozinha, eu disse espera um pouco já eu mando ela entrar, ai peguei uma mini câmera que tenho no meu PC e deixei focalizada em direção a um sofá divã que tenho no escritório, ai disse manda ela entrar, ela entrou, calma perguntou se podia sentar eu disse sim percebi que estava com outra roupa, outro vestidinho solto, e eu disse então o que te fez volta, ela respondeu a necessidade, e falou ok eu faço o que o Senhor pediu mas promete que ele sai hoje eu disse agora não da tempo, porque tenho que pagar a dívida, e pedir o Alvara de soltura junto ao juiz mas amanhã antes do almoço ele estará na rua, ela disse tá bom, mas sabe Dr. eu só tive meu marido de homem na vida sou uma mulher seria e tenho medo dele saber ou os outros, eu disse fica tranquila ninguém vai saber e isso não fara de você uma puta só está ajudando quem você ama, levantei peguei na sua mão conduzi ao sofá de pé eu beijei e fui agarrando ela até nossos corpos ficar grudado, ai meu pau já estava explodindo de duro, ai eu falei tira a roupa ela tirou soltou aquele vestido deixando cair no chão, por baixo um conjunto branco aquela pele morena destacava apesar de ser uma lingerie simples, ai falei tira tudo ela tirou vi que a xaninha era pequena e bem peluda, ficou peladinha eu vi que tinha uma bunda avantajada, seios fartos mas em pé bem durinhos e com bicos grandes, uma barriga definida, coxas grosas deliciosa, ela sempre com os olhos fechados de pé, eu arranquei a calça e fiquei só de camisa, ai abracei ela assustou em sentir meu pau duro, eu disse calma só vou te beijar, ai beijei de novo agarrados meu pau imprensado na sua barriga já estava babando, ela era um pouco mais baixa que eu, ai sentei no sofá e comecei a me masturbar vendo ela, pedi senta aqui ela sentou ao meu lado eu disse pega e bate, ela pegou meio sem jeito e começou a bater punheta para mim falei abra as pernas ela abriu falei coloca os pés no sofá e continua com as pernas aberta, ai ela fez e a buceta ficou totalmente exposta, eu passei a mão na buceta ela tirou minha mão, mas eu tentei de novo ela deixou, percebi que estava molhadinha, eu percebi que ela olhava quieta para meu pau mas vi que a boca enchia de água, ai eu disse quer chupar ela disse não meu esposo falou que isso e coisa de mulher vagabunda, eu disse que nada, e ele nem vai saber, ai eu forcei sua cabeça e ela resistiu um pouco mas acabou cedendo e engoliu o pau engasgou mas ai eu menti a boca dela só até a metade, no vai e vem eu impulsionando a cabeça dela para baixo ai quando vi que ia gozar eu deixei ela tirar a boca, se não ia assustar ela, ai gozei a porra foi longe o tesão era de mais, ela ficou segurando e apertando meu pau enquanto a porra ia saindo e escorrendo, vi que ela estava gostando ai antes dela voltar em si, eu agachei e comecei a chupar sua xana na hora ela fechou as pernas e puxou meu cabelo para eu parar, mas quando minha língua entrou naquela buceta ela não resistiu e deixou arreganhou ainda mais, e gemia, e vi quando ela encheu minha boca de porra ela estava de olhos fechados com minha cabeça espremida entre as coxas e gemendo baixinho, eu sai do meio das pernas dela, e fui até o lavabo lavar o rosto pois ela gozou bastante parecia que a anos não sentia um orgasmo, quando voltei ela já estava se recompondo estava vestindo a calcinha e logo se vestiu e disse pronto Dr. já fiz o que queria acho que já fiz até mais, eu disse fez sim, ai já entrei em contato com o advogado da outra parte e falei que o meu cliente ia pagar, peguei a conta já fiz a transferência bancaria ali mesmo e já pedi para o advogado, já encaminha a quitação e já fui ao foro ela junto comigo e por sorte peguei o juiz ainda em seu gabinete que despachou com migo e liberou o Alvará de soltura corremos a delegacia já estava próximo das 17:30, mas ainda alcançamos o delegado lá que fez a liberação do réu (réu e corno kkkk), mas ia demorar um pouco entrei lá para falar com meu cliente, e queria conhecer o corno, ai vi nossa como as mulheres tem mau gosto um cara velho, quarenta e cinco anos, mas não digo velho pela idade mas um cara acabado parecia que tinha mais de setenta anos, e feio, conversei com ele, disse como ela achou o Senhor Dr. e onde ela conseguiu o dinheiro, eu disse olha o delegado está providenciando os papel para o Senhor assinar e ai assim que sair sua esposa explica ok, ele disse tudo bem, ai eu sai rapidamente e estava pensando em falar para ela dizer que eu fiz fiado minha parte mas e o pagamento, (e talvez você está se perguntando mas valeu a pena pagar mil e quatrocentos e mais os honorários advocatícios por uma visão de uma mulher pelada e uma punheta e um mini boquete e alguns beijo), amigo sou tarado por casadas, e ela e uma morena gostosa você não imagina e eu sou perito em fazer casadas santas e direitas virar puta de um jeito ou de outro entenda que por dinheiro todos se corrompe e pode acreditar mulher gosta de dinheiro, e porque vocês acham que eu filmei a sacanagem, e voltando ao raciocínio, quando sai de dentro da cadeia eu já pensei em um jeito além do vídeo que fiz para usar como moeda de troca, eu cheguei nela e falei olha tem um problema seu esposo perguntou lá dentro como você conseguiu a grana para pagar a dívida, os meus serviços ele vai acreditar que deixei fiado, mas ele não vai acreditar que eu paguei a dívida, ela ficou apavorada não sabia o que fazer mas eu já tinha pensado, esperei um pouco e disse, olha você vai falar que eu adiantei o dinheiro e que vai me pagar com serviços, já que ele trabalha de zelador de prédio e de manutenção então ele vai na minha chácara quando tiver serviços e vai fazendo para pagar e você diz que vai uma vez por semana fazer faxina ou na minha casa, ou no escritório ou as vezes na chácara (já entenderam né minha jogada) quando for ter eventos lá você vai um dia antes lá para fazer faxina e deixar tudo arrumado, ai ela se acalmou e disse tá bem, nossa Dr. o Senhor pensa em tudo, eu disse por isso sou advogado e dei um sorriso e ai chamei ela num canto e disse deixa eu te beijar ela disse está doido eu disse não te ajudei de novo ai ela deixou eu chupei sua língua e já pensando em ver meu pau entrando na buceta peluda e molhada e naquele rabo delicioso, passou uns quinze minutos entrei lá o esposo já estava na recepção, ai assinei os documentos, e saímos ele viu a esposa encostada no carro, eu queria ver a reação, ai chegou perto ela toda sorridente abraçou e até chorou vi lagrimas nos olhos escorrendo sobre o rosto, o cara nem retribui-o o carinho sabe homem rude bruto e ignorante, ai só xingava e dizia é mulher e tudo igual àquela ordinária tinha que me pôr no pau, ai eu disse olha amigo agora tem que manter em dia os alimentos de seus filhos, se não ela pode representar e pedir execução novamente ok, ele só balançou a cabeça, ai ele perguntou como você consegui o dinheiro meus irmão te emprestou, ela disse que nada ninguém quis disseram que não tinha mas acho que não quiseram emprestar, e onde você conseguiu, ela disse exatamente o que falei, ele disse nossa mas para mim e difícil porque trabalho de segunda a sábado e ir na chácara trabalhar no domingo e duro, eu disse sem problemas, sua esposa assinou um contrato que ela vai uma vez por semana fazer faxinas tanto em casa como no escritório ou na chácara como ela te explicou , vai demorar mais para ela quitar os mil e quatrocentos e mais os mil e duzentos dos meus serviços, mas fazer o que, se o Senhor pudesse fazer algumas manutenção pagariam a dívida mais rápido, ele disse a mas está bom ela não trabalha mesmo fica o dia todo à toa em casa, assim ela me ajuda, eu olhei deu vontade de mandar ele descer do carro e ir de pé embora mas, tudo bem fiz questão de leva-los até a porta da casa deles para saber onde era apesar de já ter endereço dados pessoais e contato telefônico deles , uma casa humilde pequena em um bairro de Londrina, no subúrbio, despedi isso já era quase dezenove horas da noite, ai fui embora, ontem dia 08/11/2016 eu liguei para ela, dizendo que preciso de um dia de faxina e esse dia tem que ser na quinta feira dia 10/11/2016 (porque não tenho audiência estou livre), na chácara e que horas eu poderia pegar ela, ela falou o Senhor e doido eu já paguei isso e você sabe, eu disse eu sei mas seu esposo não sabe, então você vem e eu vou te pagar pela diária e você usa a grana para comprar as coisas para você assim eu não chamo outra e você consegue fazer a mentira ser realidade, ela falou olha lá em, ai falou só posso à tarde depois que minha irmã chegar da escola para ficar com meu filho, eu disse ok passo ai as treze horas ela disse tá bom, mas não venha aqui não porque os vizinhos vão falar se eu sair nesse carrão do Senhor eu vou de circular até o terminal e o Senhor me pega lá na frente , combinamos, e eu já preparei tudo vou fazer ela de puta vou comer a buceta dela e o rabo dela quero fazer ela cagar na rola, vou arregaçar o rabo dela sem dó e sem pena, quero encher a boca dela de porra, já percebi que ela é como quase todas as casadas puta nata, e que e doida para fazer sacanagem que a maioria das casadas quer fazer mas os otários dos maridos não faz, eu faço minha esposa de puta de todo jeito, na cama ela e minha puta, essa vai virar putona mesmo, mas estou escrevendo este conto hoje dia 09/11/2016 e esse encontro será amanhã quinta feira dia 10/11/2016, provavelmente eu vou colocar o que aconteceu até segunda feira, até lá e torçam por mim, vou relatar tudo sem deixar nada de fora ok, beijo e até segunda.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario benoliver

benoliver Comentou em 26/09/2017

A narrativa lembra um dos contos de Marques de Sade, do Século XVIII, quando um juiz desesperado por ter uma jovem senhora cortesã, com uma filha adolescente, faz um ardil ao marido dela. Ela, em troca por não ter o marido enforcado, cede e é obrigada a ter relações com o juiz, que não perdoa nem a filha dela. Considerando os fatos, levando em conta o regionalismo, foi um golpe de sorte e oportunismo. Interessante os fatos.

foto perfil usuario mila34

mila34 Comentou em 10/11/2016

Nossa! que delicia de relato estou ansiosa pela continuação!




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


78280 - COMI O CASAL DE NOIVOS - Categoria: Fantasias - Votos: 27
79955 - COMI A CATADORA DE RECICLÁVEL PARTE 1° - Categoria: Virgens - Votos: 16
80390 - COMI A BUNDA VIRGEM DA CATADORA DE RECICLAGEM 2º - Categoria: Virgens - Votos: 13
84833 - FIZ A CASADINHA DE PUTA RASGUEI SEU CUZINHO VIRGEM - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
85298 - FIZ ELA TRAIR O MARIDO PARA NÃO PERDER O EMPREGO E - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
86310 - MINHA PRIMEIRA VEZ COM UM CASAL - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
90353 - COMI OUTRO CASAL - Categoria: Fantasias - Votos: 9
90431 - COMI A ESPOSA E A FILHA VIRGEM DO MEU PEDREIRO 1º - Categoria: Traição/Corno - Votos: 15
90436 - COMI A ESPOSA E A FILHA VIRRGEM DO MEU PEDREIRO 2º - Categoria: Virgens - Votos: 14
90746 - COMI A ESPOSA E A FILHA VIRGEM DO MEU PEDREIRO 3º - Categoria: Fantasias - Votos: 18
90841 - ARREGACEI AS PREGAS DO RABO DO MEU ESTAGIÁRIO NOVI - Categoria: Virgens - Votos: 12
91911 - A CASADA TRAIU O MARIDO PARA TIRAR DA CADEIA parte - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
92391 - O NOIVO TRAIU A NOIVA, E A NOIVA TRAIU O NOIVO NA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
93011 - COMI A ESPOSA DO MEU TIO COM ELE DENTRO DE CASA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 20
93323 - ARREGACEI O CÚ DA ESPOSA DO MEU SOBRINHO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 23
94615 - COMI A CUNHADA NO QUARTO AO LADO E VOU COMER AS FI - Categoria: Traição/Corno - Votos: 14
94781 - COMI A CUNHADA E AS FILHAS VIRGEM PARTE 2 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 14
94970 - COMI A CUNHADA E AS FILHAS VIRGEM PARTE 3 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
96286 - COMI O NAMORADINHO DA MINHA SOBRINHA - Categoria: Virgens - Votos: 20
103732 - EMPREGADA CRENTE DA CCB - Categoria: Traição/Corno - Votos: 32
104310 - A CASADA TRAIU O MARIDO PARA TIRAR DA CADEIA PARTE 3 - Categoria: Virgens - Votos: 4
104519 - ARREGACEI O CÚ DA ESPOSA DO MEU SOBRINHO parte 2. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 19
105036 - EMPREGADA CRENTE DA CCB parte 2 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 16
106373 - EMPREGADA CRENTE DA CCB parte 3 - Categoria: Virgens - Votos: 15
106856 - ARREGACEI O CÚ DA ESPOSA DO MEU SOBRINHO parte 3. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 13
107199 - ARREGACEI O CÚ DA ESPOSA DO MEU SOBRINHO parte 4. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
138256 - A NOIVA CRENTE VIRGEM - Categoria: Traição/Corno - Votos: 12
139336 - ESPOSA CRENTE TRAI O CORNO COM O CHEFE EM SEU APARTAMENTO – 1º PARTE. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 36
139337 - ESPOSA CRENTE TRAI O CORNO COM O CHEFE EM SEU APARTAMENTO – 2º PARTE. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 23
139338 - ESPOSA CRENTE TRAI O CORNO COM SEU CHEFE EM SEU APARTAMENTO – 3º PARTE. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 29
139726 - ESPOSA CRENTE TRAI O CORNO EM SEU APARTAMENTO PARTE FINAL - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7

Ficha do conto

Foto Perfil marcussex
marcussex

Nome do conto:
A CASADA TRAIU O MARIDO PARA TIRAR DA CADEIA parte

Codigo do conto:
91637

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
09/11/2016

Quant.de Votos:
6

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


jogando baralho erotico minha mulher e eu numa turma de amigos contos eroticoContos novinhas x carreteiroporno contos todos emgatados trenzinhomulheres q sao viciadas em zoofiliaxvedeo porno gay ponhetacontos eróticos narrado comi a mae do meu amigocontos eroticos superdotadosMilftoon esposa sendo comida pelo patraoquadrinhos eróticos colegial desvirginada no liceucontos gays punhetei o meu sobrinhonovinha com viu tetau repolaO patrao do meu irmao me fudeu no motel conto eroticoconto erotico chantage no trabalhoquiquei até gozarconto erotico concunhadacontos eroticos minha cunhada me deu o cu de presentebambam e pedrita sexoAmigo de infância conto eroticocontos erótico gaúchacontos com fotos esposas loba de cornoCONTOS FODI COM MEU IRMAOconto incesto desabafo de uma mae cap xvifuderdo com merdigohentai gay dragon ranherquadrinhos eróticos sinucapunheta na infancia com amigoconto eroticomeu pastor me comeucolo do vovo conto gaysexo anal com a mana conto eroticominha prima pelada conversando comigocontos eroticos seduzindo meu cachorro e ficando grudada com eleConto penis medio do professorcontos gays de incestos.com/ novinho fui violentado por meu pai me viciei no pau deleConto herotico gay comeram meu cu e minha irman vio tudoComendo a velha cadeirante contoscontos de sehoras coxudas que deram o cuconto erotico meu chefe comeu meu cuconto erotico de mamãe puraincesto avo bolinando netinha pequena na chácaramae fitnes milftoonSexo penis contoConto de sexo explicito com peãocontos eroticos porno cu da noia de ruacasada dogging carrocontos eroticos, meu filhinho tava com o pintinho molhadinhocontos eroticos gays de a carona do velhotarado por bunda gayconto erotico[email protected]Conto erotico corno capixabasindica do predio transando com porteirocomendo mae e filha no guaruja casa dos contos eroticoshotwife e marido contosContos eroticos com fotos de podolatria chupando pes de primas novinhas e acordadascontos eróticos fode meu cu viadinho pediucontos sexo novinhas virgemscontos eroticos contratei gay me arrependicurrada contowww.professoracontoerotico.com.brx vidio comtos eroticos flaguei minha irmã avóconto erotico sou viciada em ter meus chupados todo diafilha de pastor metendo.via meu tio apalpando minha primaEU, PAPAI E O GINECOLOGISTA DE MAMÃE – PARTE 1cdzinha bomboma gp contovideos de cornos que chuupamcontos eroticos noiva putinha titio caralhudo safado noivo corninho safadoTranzei gostozo com meu melhor amigo numa noite chuvosaXVídeos Doutora muito gostosa tapeandofudendo a sogra quadtinhodcontos eroticos pegando a mae traindo o paicontos levando encocaxada inocenteconto sobrinha safadinha senta no colo do tio dentro da van ele gosa nekacontos eroticos com travesti do pau grandeXVIDEOS O AVÔ VER A NETA OLHANDO A REVISTA DE HOMENS PELADOS vides porno cazeiro mulher c nega da pro amante na frente do maridomila adoro ser encoxadacontos eroticos minha mae de bikineconto o nefao pintor comeu mru cu e minga xana no sofscontos padrasto submissão conto erotico cdzinha no carnavalconto erotico meu filho chega do trabalho e transa comigo na cozinha de casaultimos conto sado